Meu Diário

Festa do Gpguia

1.º SNG - Simpósio Nacional GPGuiano - DIA 11/04/2018 - São Paulo/SP - HOT BAR MOEMA

Hot Bar - Casa de Swing e Balada Liberal
Alameda dos Pamaris, 83 - Moema, São Paulo - SP, 04086-020
https://www.hotbar.com.br/

Achei o encontro legal depois da meia noite, quando o DJ Bonny Oliver chegou e começou a animar a festa, cheguei por volta das 22h00 e nesse horário olhava de 5 em 5 minutos no relógio com uma vontade imensa de ir embora, já fui em festas que realmente não conhecia ninguém, mas essa me deixou apreensiva pois não conhecia o lugar e não me apresentaram, fiquei próximo da porta e percebi que tinha uma espécie de "concierge" ela recepcionava todos os clientes (Homens) se já conheciam a casa, e assim fazia um tour com eles apresentando o local.


Sentada em um canto perto da porta, pensando na minha rota de fuga observava o teto baixo e o bar e fiquei imaginando como aconteceria uma dança e pegação ali naquele local onde não havia nem um pole dance, musica baixa ambiente.Entre muitos pensamentos de fuga, veio um forista até meu encontro ADV, também estava sozinho e perguntou se eu já conhecia a casa, ótimo agora já tinha com quem conversar!


Bom, ele me apresentou a casa e falou que tinha uma outra sala de dança que estava fechada, só iriam abrir com a chegada do DJ, que bom o que me animou a ficar um pouco mais.Minha visão da casa mudou para melhor, a área de swing é bem grande, sofazão, camão, cabines com buraquinhos, janelas a todo os gostos, como sou bem cismada com higiene um detalhe que me chamou bastante atenção foi a presença de banheiros próximos as cabines, o cheiro de limpeza do local impressionavam também.


Quanto ao swing propriamente dito, apenas vi 2 casais se pegando reservadamente, muitos homens circulando sozinhos, bem eu estava acompanhada nesse tour apenas de voyeur, já que não combinei nada nos termos de dinheiro na mão, calcinha no chão.


A triunfante chegada do Dj Bony Oliver!

Bom, sou suspeita para falar, já conheço o trabalho dele à mais de 10 anos quando levava uma vida bohemia rodando bolsinha em uma famosa Boate de São Paulo, mas tenho que deixar aqui meu agradecimento pelo Adv de me fazer companhia e fez com que eu tivesse paciência de ver a festa realmente começando.
A festa ficou interessante, as meninas dançavam e tiraravam a roupa, fiquei com vontade de cair na esbórnia e ficar pelada também, mas me comportei, de festas anteriores só conhecia a Nicole Castelvania, quem sabe em uma próxima eu me solte mais.


Ponto forte e ponto fraco

Ponto forte pra mim foi a limpeza e higiene do local, ponto fraco uma falta de acolhimento por parte da casa, nunca tinha ido no local e me causou estranheza entrar e não me aparesentarem a casa, funcionários para isso tinha de sobra, mas não houve essa boa vontade.
Irei em próxima com certeza, mas combinarei melhor com algumas amigas

 

Em regra 20% dos clientes são vampiros claro que o mais nocivo sem dúvida é o cliente que toda vez que ele repete o programa ele procura preço especial, tratamento preferêncial, descontos promoções coisas que deveriam partir naturalmente de mim, que sou a pessoa mais interessada em atender ou não.


Ser aberta aos fetiches e a conversas, podem atrair outro tipo de cliente vampiro, aqueles que leem seu site inteirinho e se atentam a todas as formas de atendimento, chegando até a levar umas dedadas no toba, mesmo sem gostar, só porque teóricamente está incluído no cachê.


Tem uma parte do meu site que falo um pouco sobre meu atendimento, e sobre as coisas que podem acontecer no programa, querer todas elas ou querer a melhor parte demonstra que o cliente é o tipo "espertão". Antes de continuar sobre esse fato vou explicar o que ao meu ver o significado de Acompanhante de Luxo:


"Acompanhante de Luxo nada mais é do que a garota que pode se dar ao luxo quem ela vai atender ou não, independente do valor cobrado"


Muitas Gp's equivocadamente pensam que acompanhantes de luxo tem que cobrar acima de mil reais para se considerarem a tal, grande erro.


Continuando aos clientes vampiros, esses podem até se darem bem em boates e privês, poque infelizmente essa garotas não podem se dar "ao luxo" de escolher. Eu recuo de propostas indecentes do tipo fazer um programa só de anal, ou de tipos que querem gozar quantas vezes puderem no horário contratado...Fetiches sim, posso realizar desde que não seja de submissão e de propostas indecentes vampirescas.


Não leiam meu site inteiro achando que vou fazer todos os itens descritos em minha apresentação, se eu me sentir desconfortável ao assédio irei mesmo bloquear e não irei agendar.


Sem culpa de consciência dispenso clientes que tomam 100% de minha energia, esses eu digo adeus, procuro sair com clientes que me tragam uma experiencia rentável e prazerosa

Não importa quanto você cobre, certos clientes sempre pedem desconto, existe o método de adotar um preço acima do que realmente quer receber, para se o cliente pedir desconto darem sem maiores perdas. Mas acho injusto porque o cliente chato acaba pagando menos que o cliente bom.

È por essas e outras que prefiro não da desconto, se der uma vez vou ter que da sempre ai vou ficar igual camelô com um bando de gente pechinchando em cima,parecendo o Ching ling.

E também não gosto de discutir as razões, logo de cara eu nego, mesmo eles vindo com qualquer desculpa, a maioria delas sem pé nem cabeça.Nego e não explico o porque, Digo que to me valorizando e pronto.

Insistir num desconto é falta de respeito, é não valorizar o trabalho, seja de quem for, Sempre que vou fazer a unha e o cabelo, procuro qualidade no salão e não o mais barato, Se eu não puder pagar o valor daquele salão vou em outro mais em conta, mas não peço desconto não.ô Coisainha que irrita!

:-k Não é bem um erro mas me sinto brochada quando chego no motel e o cliente não espera eu me sentir a vontade já começa indo pro vamos ver , não espera eu tomar banho vou pro banheiro o cliente vai atras prendo o cabelo pra tomar uma ducha ele solta.

Pobreza de espirito pensa que vou roubar o tempo deles só porque vou tomar um banho gostozo, geralmente nesse tipo de caso coloco o celular pra despertar e saio correndo sem dar nem um minuto a mais de bonus.
8)

Aconteceu e não vai ser a ultima vez que vou vivenciar isso :lol: :lol: :lol: 
Achei estranho quando aconteceu comigo a primeira vez, mas hoje pra mim é rotina, faz parte do serviço :loll: :loll: :loll: 

A primeira vez que um homem se soltou assim comigo foi um Coreano na Boate que nem portugues falava mas empurrar minha cabeça pro cuzinho dele isso ele fazia bem :beijunda: .

A segunda vez sai com ele tive que me aprimorar na técnica de consolos, lembro como se fosse hoje eu pegava aquele vibrador enchia de gel e ficava colocando no rabinho dele de quatro vestido com minhas roupas e sandálias.

Sai com ele várias vezes pois em boate não podia recusar programa, apesar de achar estranho na época, hoje fico agradecida em te-lo conhecido pois assim ele me ajudou a desenvolver essa técnica de como dominar um homem na cama. :loll: :loll: :loll: